Desenhos a mão para LFernandes - um jardim florido em preto & branco.


Era uma vez um livro de desenhos que me inspirou a desenhar. Munida de canetas pretas e pincéis atômicos comecei a desenhar flores em uma folha de papel tríplex supremo. Desenhei por cerca de um mês, à noite e em uns poucos intervalos durante o dia. Não parei até que o resultado me agradasse, assim eu tinha uma folha formato 01 tomada por flores, folhas, insetos e bichinhos em minhas mãos.
Como uma grande caminhada que começa com um passo o desenho começou bem pequeno.
Foi muito interessante... Depois de anos usando o computador como plataforma de trabalho desenhar a mão novamente (comecei a fazer design gráfico na época que nem tinha esse nome e era feito com caneta nanquim em papel vegetal ou canson, usando prancheta e régua paralela) serviu para desenferrujar e mostrar que posso. Se bem que na verdade minha paixão por desenhos vem de lá de trás, eu bem criança, comecei a rabiscar com lápis de cor e canetinhas.

Aqui está a obra de arte, meu desenho todo feito a mão prontinho.


Depois do desenho feito foi hora de fazer um foto dele. Contei com meu amigo fotógrafo Davi Monteiro para essa missão. 
Ficou show!



O livro me ajudou a lembrar de que eu podia desenhar. A ideia do desenho virou o tema da agência Lfernandes em 2015. Ele vai estar em anúncios, na plotagem da porta de entrada, na coluna da recepção, nas mídias sociais, etc.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Netflix cria sua própria tipografia